Quem somos

 

A BIO DEFENDER é uma empresa Portuguesa especializada em segurança biológica através da descontaminação de vírus, microorganismos, bactérias, esporos e outros agentes patogénicos.

Hardware Technician
Computer Circuit Board

OBJETIVO

Com o objetivo de apresentar soluções na área da bio descontaminação, a BIO DEFENDER cria sistemas de descontaminação de ar de qualidade hospitalar. Comercializamos solução criadas e fabricadas em Portugal sempre com o intuito de criar produtos para um planeta mais seguro.

Colleagues at Work

Proteja os seus utentes, trabalhadores

e clientes

 

A tecnologia de descontaminação da BIO DEFENDER remove 99,9999% dos vírus, bactérias, outros agentes patogénicos e poluentes transportados pelo ar.

Electrical engineer working on circuit board
VISÃO
A BIO DEFENDER pretende impor-se no sector da bio descontaminação como uma referência a nível mundial, acreditamos em nós e que a engenharia portuguesa tem um lugar no mundo da bio tecnologia. A inovação assume também um papel central nos nossos objectivos regendo-nos sempre pelos valores em que acreditamos.

Protegemos negócios e estabelecimentos nas mais variadas indústrias

1 offices.png

ESCRITÓRIOS

2 care_homes.png

HOSPITAIS

3 hotels.png

HOTÉIS

4 gym.png

GINÁSIOS

PngItem_6218014.png

ESCOLAS

5 public_institutions.png

INSTITUIÇÕES PÚBLICAS

7 salons.png

CENTROS DE BELEZA

6 restaurants.png

LOJAS E RESTAURANTES

8 dentists_doctors_Doctors.png

CLÍNICAS E LABORATÓRIOS

968742-200.png

LARES

Colleagues Working Together

VALORES

Os nossos valores são fundamentais, guiamo-nos pela importância da segurança, vida e saúde biológica para a proteção de todos. A eficácia, resultados superiores e qualidade de excelência tecnológica são inerentes em tudo o que fazemos.

Electrical Engineer

Notícias

lab-laboratorio-768x425.jpg

SUPERBACTÉRIA É A PRÓXIMA GRANDE AMEAÇA: HÁ MICRORGANISMOS RESISTENTES A TODOS OS ANTIBIÓTICOSE

Numa altura em que o Mundo ainda está concentrado no combate a um vírus, chegam dados de que a próxima grande ameaça à saúde terá a forma de uma superbactéria (ou mais). José Melo Cristino, director do Serviço de Patologia Clínica do Centro Hospitalar de Lisboa Norte, avança ao jornal Expresso que «o que aconteceu com o novo coronavírus também pode acontecer com uma bactéria».

Infecções com superbactérias têm sido detectados em laboratórios internacionais e, embora a resposta in vivo seja diferente do resultado in vitro, o diretor do Serviço de Patologia Clínica sublinha que «se a bactéria resiste a tudo em laboratório também será assim com o doente», adianta o responsável.

Receba um orçamento

 

Contacte-nos e diga-nos as suas necessidades específicas. Respondemos em 24 horas.

Visitamos o seu espaço

 

Marque uma visita técnica gratuita ao seu estabelecimento para avaliar as suas necessidades.